CIRCULAÇÃO MONETÁRIA NA FREGUESIA DE PIAS (CONCELHO DE SERPA, DISTRITO DE BEJA)

QUANDO ROMA ERA IMPÉRIO

  • Marco Paulo G. F. Valente Arqueólogo, a prestar serviço para a empresa Amphora Arqueologia Lda

Abstract

Resumo:
Com base no inventário inicial de cerca de 286 moedas – procedentes de prospeções arqueológicas e coleções de privados – constatamos que 235 exemplares eram de cronologias romanas. Pias constitui, um caso de estudo, incluído numa construção contínua de base de dados SIG, tendo por cenário o Baixo Alentejo e o Algarve. Pretende-se assim efetuar a localização e o registo de numismas de todas as épocas (não só as romanas), provenientes de prospeções, coleções privadas, doações, entesouramentos e escavações arqueológicas. Elaboramos de tal modo um PAS português, com base nos nossos estudos por estes espaços geográficos, de alguns milhares de objetos, nomeadamente numismas – por forma a complementar quer os nossos, como os estudos de colegas que se possam interessar por estas temáticas.


 


Abstract:
Based on the initial inventory of about 286 coins - coming from archaeological surveys and private collections - we found that 235 of them were of Roman chronologies. Pias is a case study included in a continuous construction of a GIS database, regarding the Lower Alentejo and the Algarve. The aim is to make the location and register of numismas of all the historical periods (not just Roman) from surveys, private collections, donations, treasure contexts and archaeological excavations. We’re developing in such a way a Portuguese PAS (Portable Antiquities Scheme), based on our studies regarding these geographic areas, ranging so far some few thousand objects, including numismas - in order to complement our own studies, as others from colleagues who may be interested in these themes.

Published
2017-08-26
How to Cite
VALENTE, Marco Paulo G. F.. CIRCULAÇÃO MONETÁRIA NA FREGUESIA DE PIAS (CONCELHO DE SERPA, DISTRITO DE BEJA). SCIENTIA ANTIQUITATIS, [S.l.], v. 1, n. 2, p. 131-144, aug. 2017. ISSN 2184-1160. Available at: <http://www.scientiaantiquitatis.uevora.pt/index.php/SA/article/view/66>. Date accessed: 14 nov. 2019.